Minimalismo

nobre

Nas últimas temporadas, o vocabulário da moda ganhou um novo verbete, normcore, para designar o vestir descomplicado de quem, aparentemente, não perde tempo com tendências, look do dia e tarefas afins. A ideia evoluiu, neste inverno, para uma alfaiataria, que pede tecidos nobres, mas que ainda defende elementos-chave como conforto, cores e formas básicas.
Nada muito chamativo. Nada muito fashionista — para usar uma gíria que traduz blogueiras loucas para aparecer nas semanas de moda.
O editorial, com beleza inspirada no fm dos anos 40, remete ao filme “O paciente inglês”, trazendo as camisas brancas oversized da Animale — destaque da temporada — e peças de seda, organza e lã. A proposta apareceu também nas passarelas internacionais do fall 2015 em grifes como Stella McCartney, Victoria Beckham (elogiadíssima, aliás), Proenza Schouler e Row.

Coordenação e texto: Melina Dalboni. Produção de moda:
Bebel Moraes. Beleza: Vini Kilesse com produtos Phebo e
esmaltes Granado. Modelo: Luana Teifke (Way). Assistente
de produção: Mariana França. Assistente de fotografia:
Darwin Campos. Vídeo: Orlando Ávila.

por Lívia Breves/Agência O Globo
fotos Daniel Mattar/Agência O Globo

Compartilhe este Artigo